Notícias

7 cidades que estão transformando seus rios em novos atrativos urbanos

Autor: Administrador do site | Atualizado às

Recuperar os espaços abandonados ou descuidados para transformá-los em novos lugares voltados para os habitantes é atualmente o enfoque de diversos projetos que, independentemente de sua escala, estão contribuindo para melhorar a qualidade da vida urbana.
Por mais de um século, o principal rio de Chicago permaneceu contaminado por resíduos que desde a Revolução Industrial vinham sendo nele despejados. No enanto, quem caminha hoje por um trecho de eis quadras entre as ruas Lake e State pode desfrutar de uma paisagem completamente transformada.
Em cada uma das quadras, o projeto, intitulado "Chicago Riverwalk", favorece o desenvolvimento de certas atividades, desde restaurantes até a prática de esportes aquáticos e terrestres.
O projeto GreenWay, que propõe um parque linear de 82 quilômetros de extensão, está em sua última fase de projeto. A prefeitura da cidade anunciou recentemente a escolha dos escritórios Gruen Associates, Mia Lehrer + Associates e Oyler Wu para projetar o último trecho de 19km, que contará com passeios peatonais, ciclovias e diversas áreas verdes e de lazer.
Uma piscina flutuante que filtra a água do East River e, simultaneamente, oferece espaços de lazer para banhistas é a proposta de Family e PlayLab, que se tornou um dos projetos cívicos mais apoiados através de financiamento coletivo no mundo todo.
Um desvio no rio Oklahoma entre as décadas de 1920 e 1930 acabou o convertendo em um pântano. Não obstante, em 2004, um masterplan proposto por Rand Elliot + Associates permitiu reverter essa condição que, há muitas gerações, era uma realidade.
Um trecho de 11 quilômetros que exigiu um investimento de US$ 53 milhões permitiu a melhoria na qualidade da água. Além disso, foi inaugurado este ano o trecho chamado RiverSports Rapids, onde as pessoas podem praticar alguns esportes e atividades físicas.
Ao longo dos anos, a River Walk se tornou um dos principais destinos turísticos de San Antonio, e por essa mesa razão, teve sua área ampliada. O que nos anos 1920 foi coberto com concreto por ser considerado esgoto, em 1937 começou a ser transformado em um passeio peatonal com jardins, restaurantes e comércio.

Fonte: IBAMA

Inscreva-se

Inscreva-se para receber alertas de notícias e atualizações sobre notícias e eventos.

- Se inscrever
Lançamento do livro intitulado“Sociedade de Consumo e a Multidisciplinaridade da Sustentabilidade

É com satisfação que divulgamos o lançamento do livro intitulado“Sociedade de Consumo e a Multidisciplinaridade da Sustentabilidade” que tive a honra de coordenar e compor o quadro de autores. Este trabalho é fruto dos estudos desenvolvidos por pesquis...

Lançamento do livro intitulado“Sociedade de Consumo e a Multidisciplinaridade da Sustentabilidade - Continuar lendo